Pastoral Vocacional
Para você que está a caminho de uma opção de vida, esta página é especial. Ela lhe ajudará a pensar sobre a sua vocação: esta pérola preciosa que Deus entrega a cada homem e que, quando descoberta, dá sentido à toda a nossa vida.
Mas, o que significa VOCAÇÃO ? A palavra vocação é originada do latim VOCARE = CHAMAR . Então, vocação é um CHAMADO . E quem é que chama? E para fazer o quê? É Deus quem nos chama e nos chama para diversas realidades. Ao nos criar, Deus nos faz um primeiro chamado: o chamado à vida . Ele nos dá a existência, o ser; nos dá gratuitamente a possibilidade de vir ao mundo, crescer e nos desenvolver como pessoa humana, dando-nos também os meios para o nosso crescimento. O Deus que nos chama à vida, nos chama também a desenvolver a sua imagem e semelhança estampada em nós no ato da criação. Ao nos criar, Deus colocou em nós sementes de semelhança a Ele. Mas estas sementes precisam ser cultivadas por nós ao longo da nossa vida. Mais, em Jesus Ele nos convida a fazermos um passo a mais. Não quer que sejamos apenas criaturas, mas quer nos adotar como filhos e filhas, e deseja que cresçamos em dignidade. Nos convida a olhar o seu filho Jesus buscando nos configurar a ele; olhando para Jesus, vemos a imagem em que devemos nos transformar. É este o segundo chamado: o chamado à santidade .
Uma vez que a vida nos foi doada na gratuidade, e Deus nos concede as possibilidades de que esta vida seja desenvolvida e aperfeiçoada, Ele, então nos convida a colocar á disposição dos outros seres humanos a nossa existência como dom, à semelhança sua: é o chamado ao serviço . Aqui, se abre um leque de possibilidades: serviços diversificados à comunidade: anúncio da Palavra, cuidado dos doentes, animação da liturgia, matrimônio, Ministério Ordenado na vida Sacerdotal... Dentre estas possibilidades está a Vida Religiosa. Mas, O que é exatamente a Vida Religiosa ? O que significa este estilo de vida na Igreja? Vamos tentar, em poucas palavras, esclarecer algumas dúvidas.
A Vida Religiosa tem como finalidade o seguimento de Jesus Cristo de uma forma mais intensa, mais comprometida, desde as raízes do seu ser. A Religiosa é aquela que busca continuar a missão de Jesus: e qual foi a missão de Jesus? Anunciar o Reino de Deus e comunicar que ele está aberto a todos aqueles que se disponham a acolhê-lo e revelar a nós o rosto misericordioso e solidário de Deus Pai aos homens e mulheres de seu tempo. Anunciar uma mensagem de salvação, de libertação e de vida plena. Anunciar que, apesar tantas forças que se opõem ao Reino, existe um Deus Pai de amor que se preocupa com a pessoa humana e quer salvá-la. Eis aqui nossa missão. Eis aqui o motivo pelo qual deixamos os valores mais belos e nobres, mais queridos e legítimos, como constituir a nossa própria família, desenvolver projetos pessoais dignos e viáveis. A nossa renúncia, porém, não é sinônimo de frustração provocada pela falta. Não. É, ao contrário, uma oferta a Deus de tudo o que somos e temos para o Deus do Reino e para o Reino de Deus: Estes passam a ser os nossos dois grandes e absolutos amores: Deus e o Reino . Os outros amores, são colocados todos em referência a estes dois e são legítimos para nós tanto quanto nos levam a eles. Como Paulo, repetimos: “O que era para mim lucro eu o tive como perda, pela excelência do conhecimento de Cristo” (Fil 3,7).
Através do Voto de Obediência colocamo-nos à escuta da voz de Deus continuamente, buscando qual a sua vontade, o que Ele nos pede a cada momento, quais são os seus apelos e os apelos do Reino. A exemplo de Cristo buscamos fazer da vontade do Pai nosso alimento cotidiano. Este voto nos faz exercitar a nossa audição para captar nos acontecimentos da história os apelos de Deus para nós. Com o Voto de Pobreza , libertamos o nosso coração de toda e qualquer posse que nos escravize, para que, soltas de tudo o que nos possa prender, estejamos livres e disponíveis para a missão que Deus nos confia. O único bem almejado é o tesouro do Reino, a pérola preciosa pela qual deixamos tudo na intenção de adquiri-la. O Voto de Castidade , assumido por causa do Reino, é um meio través do qual a capacidade de amar assume uma dimensão de universalidade. O coração é alargado para amar a todos aqueles que precisam do nosso amor, na gratuidade e na liberdade.
Através dos vários carismas das diversas congregações existentes no mundo, a Vida Religiosa vem expressando, ao longo dos séculos, a criatividade do Espírito de Deus que, tem suscitado no decorrer da história, homens e mulheres sensíveis, abertos às suas inspirações, dispostos a fazer da vida um canal de comunicação do amor gratuito e misericordioso de Deus. Nas páginas deste site você é colocada diante da Congregação das Irmãs Discípulas de Jesus Eucarístico, da sua espiritualidade, sua origem, seu carisma, sua história e missão. Ser Discípula de Jesus Eucarístico é um jeito de seguir Jesus na vocação específica à Vida Religiosa. Mas, uma vocação não nasce pronta. É preciso desenvolvê-la, fazê-la crescer. E ela cresce na medida em que damos uma resposta aos apelos de Deus e não ficamos passivos, apenas nos interrogando sobre o que fazer. Deus chama quando, como e onde quer. É sempre Ele quem toma a iniciativa de vir ao nosso encontro e de convidar-nos a segui-lo. O seu jeito de falar conosco é bem simples. Ele fala através dos acontecimentos dom dia-a-dia, por mais insignificantes que sejam. Deus fala através das pessoas, dos fatos da vida...dos tantos sinais que estão bem próximos a nós.
A escuta da Palavra de Deus, a oração constante, o diálogo sincero com Deus, a capacidade de silenciar e escutar a própria realidade e a realidade que nos cerca constituem meios sem os quais é impossível ouvir e responder a voz do Deus que nos chama. Fica a aqui, jovem, um convite a pensar sobre a sua vocação.
Saibamos abrir bem os nossos ouvidos a fim de escutar com disponibilidade a sua voz e responder com prontidão ao seu chamado de amor. Não tenha medo de dizer sim ao Deus que te chama. Venha dividir a sua vida com aqueles que tem a sua vida ameaçada. Venha transformar a sua vida em pão, alimento capaz de saciar a fome que existe na humanidade. Venha ser bebida capaz de saciar a sede de Deus, de verdade, de vida que habita o coração de tantos homens e mulheres do nosso tempo. Cristo lhe chama hoje a ser suas mãos, seus pés, seu coração. Cristo lhe chama a ser sua presença de ternura e de misericórdia em meio a um mundo carente de Deus, mas também carente de humanidade. Seguir Jesus na Vida Religiosa como Discípula de Jesus Eucarístico pode ser uma proposta que lhe faça feliz no seu desejo de entrega a Deus e ao Reino. Venha juntar-se a nós sendo corpo entregue e sangue derramado: Eucaristia para a vida de muitos!
O Mestre está aqui e te chama! O Mestre está aqui e nos chama!
[ Oração pelas Vocações]
Presença no Mundo Fale Conosco Identidade Pastoral Vocacional Poesias Missão FotosIrmãs Discípulas de Jesus Eucarístico
Espiritualidade Reflexão História Fundador História Novena Pensamentos Galeria de Fotos Oração para Beatificação Depoimentos Palavra da Superiora Geral Madre Maria Giuseppina L Palavra de Ir. Maria Clara Sacquegno HomeCopyright © 2009 IDJE. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Leandro.