Parece-me que agora começa uma nova vida para a Congregação... assim o Venerável Dom Raffaello Delle Nocche, escrevia à Madre Maria, primeira Superiora Geral, em 23 de novembro de 1960, dois dias antes da sua morte!... Passaram-se tantos anos desde aquele memorável dia em que o nosso Padre Fundador foi chamado a gozar a merecida recompensa das suas fadigas. E nós neste ano que nos prepara a celebrar o 50º aniversário da sua Santa morte, desejamos fazer reviver de maneira ainda mais esplêndida a sua espiritualidade, a sua santidade, a sua obra de Santo Bispo e Fundador. A vida no Espírito é sempre nova, mas tende a fazer-se particularmente forte em alguns momentos do ano litúrgico... assim nós, que nunca tiramos os olhos fixos sobre este herói da vida cristã, queremos olhá-lo, repropor-nos a sua vida, reavivar a sua memória para ser ajudadas por ele a penetrar o mistério da Santa Eucaristia, para enamorar-nos sempre mais da vida divina que a Eucaristia silenciosamente deixa perpassar pelos séculos para realizar a nossa santificação e fazer-nos entrar na inefável companhia de Deus. A encarnação do Filho de Deus e o seu ser presente em meio a nós na Eucaristia revelaram, enfim, á história a sua verdadeira dimensão. Esta tornou-se lugar da salvação, espaço no qual o homem pode-se encontrar com o divino, morada em que podemos celebrar com estupor o encontro entre o homem e Deus. A palavra nos revela este surpreendente e inefável projeto de amor de Deus, e os santos no-lo anunciam, no-lo apresentam, o tornam acessível às nossas pobres forças, indicando-nos um caminho que por primeiro percorreram e que por graça continuam a percorrer conosco cotidianamente. A Eucaristia e Nossa Senhora foram os grandes amores que atraíram irresistivelmente a vida de Dom Raffaello Delle Nocche; destes amores nasceu a sua surpreendente vida de caridade que se exprimia continuamente como contemplação do augusto mistério da Eucaristia e como inesgotável atenção e favor dos necessitados. E nós que fomos contagiadas pela sua caridade e que bebemos na fonte genuína da sua espiritualidade queremos condividir a sorte que nos coube com todos os amigos, com todos aqueles de quem nos aproximamos para que também estes sejam enriquecidos deste admirável dom que o Espírito fez à sua Esposa, a Igreja. O ano jubilar que estamos vivendo reverta em cada uma de nós a mesma caridade que inflamou a alma do Venerável Dom Raffaello Delle Nocche, e o fez cantar as maravilhas do Senhor, e nos ajude a acreditar e a amar fortemente Jesus Eucarístico e Nossa Senhora até nos tornarmos um sinal humilde, mas convincente de um Deus que não tem medo de perder a vida para fazê-la crescer em nós. Ir. Maria Giuseppina Leo Superiora Geral das Irmãs Discípulas de Jesus Eucarístico
Depoimento da Madre Maria Giuseppina Leo
Nosso Fundador
Presença no Mundo Fale Conosco Identidade Pastoral Vocacional Poesias Missão FotosIrmãs Discípulas de Jesus Eucarístico
Espiritualidade Reflexão História Fundador História Novena Pensamentos Galeria de Fotos Oração para Beatificação Depoimentos Palavra da Superiora Geral Madre Maria Giuseppina L Palavra de Ir. Maria Clara Sacquegno HomeCopyright © 2009 IDJE. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Leandro.